Falando no discurso de abertura do Conselho de Direcção Alargado da Adminstração Nacional de Estradas, IP, que iniciou hoje, 10/12, na Autarquia de Bilene, Província de Gaza, sob o lema “Estabelecndo Estratégias para superar os desafios na implementação do Plano Quinquenal do Governo 2020-2024”, Margarida Mapandzene disse que estão ligadas por estradas 14 sedes distritais, porém, há vias que enfrentam dificuldades de transitabilidade, principalmente na época chuvosa.

É por isso que “estamos expectantes no que diz respeito à descentralização de estradas de âmbito provincial à semelhança do que acontece nos distritos e municípios, pois vai contribuir para responder as promessas feitas à população e cumprir-se cabalmente o plasmado na Lei-mãe”.

Apesar deste crescimento económico que a província regista, constituem preocupações da Província, “a reabilitação e construção das estradas: Macia-Chókwé, Mapinhane-Pafúri, Machaila-Massangena e Ndonga-Dindiza, a ponte sobre o rio Save em Massangena, pois vemos nestas estradas uma oportunidade para a província e o País em geral mostrar ao mundo as potencialidades económicas no campo agrícola, turístico, comercial e cultural que a província detém ainda por explorar”, segundo Margarida Mapandzene.